Blog Simplic

14 novembro 2018

Dinheiro extra: como aumentar a renda no final do ano?

Presentes, confraternizações, ceia, decoração, férias e outros gastos, como IPVA, IPTU e material escolar pesam no bolso e podem atrapalhar o orçamento já no início de um novo ano. Sem organização, esses gastos extras somados às contas do mês podem gerar dívidas. Ainda bem que existem também formas de aumentar a renda para poder lidar com tudo isso de forma melhor.

Nós já falamos por aqui que o décimo terceiro pode dar uma forcinha para ajudar você nessa tarefa, mas se você quiser pode garantir uma grana extra usando a criatividade e aproveitando as oportunidades que surgem com o Natal e Ano Novo. Gostou da sugestão, mas não sabe por onde começar? A Simplic separou 8 dicas para lucrar no final do ano. Confira!

Como aumentar a renda no final de ano?

A época de festas abre portas para quem quer juntar um dinheiro extra para complementar o orçamento. São inúmeras opções para quem está desempregado ou até para aqueles que já trabalham e conseguem reservar um tempinho entre as tarefas do dia a dia para poder lucrar um pouco mais. Veja algumas opções e comece hoje mesmo a se organizar para fechar o ano com mais tranquilidade quando o assunto é finanças.

  1. Reformas, limpeza e organização
    Com as comemorações se aproximando e o décimo terceiro na mão, muita gente aproveita para renovar a casa. E isso inclui atividades diversas, que alguns não têm tempo ou habilidade para executar, então acabam contratando outras pessoas para fazer o serviço. Então aproveite para empreender! Listamos algumas opções que podem inspirar você:
    • Consertos, como colocação de pisos, ajustes em instalações elétricas, colocação de pontos de luz ou tomadas, manutenção de telhados, alterações na hidráulica, troca de torneiras e pintura.
    • Montagem de móveis, por exemplo, guarda-roupas, armários, racks, mesas, cadeiras e escrivaninhas. Algumas pessoas também aproveitam a época apenas para mudar tudo de lugar, como uma forma de repaginar o ambiente, e para isso precisam de uma mãozinha.
    • Manutenção na área externa, com o corte da grama, plantação de flores, criação de uma horta, limpeza de muros, calçadas, grades ou piscinas.
    • A tradicional “faxina de final de ano”, fazendo uma geral dentro da casa ou apartamento, com a limpeza de janelas, tetos, rodapés, cortinas, boxes e espelhos.
    • Organização de armários, lavagem e passagem de roupas, além de pequenos ajustes em peças danificadas – sem botão, descosturada, precisando de barra ou aperto etc.

  2. Prepare a ceia
    Seu dom é cozinhar? Então que tal preparar a ceia de outras famílias? Lembre-se: geralmente, esses jantares reúnem muita gente e alguém sempre tem que dar atenção às panelas enquanto o restante usa o tempo para se arrumar e comemorar. Então, para mudar um pouco esse cenário, várias pessoas têm optado por comprar tudo pronto. E é aí que você entra! Além da opção de ir até a casa de quem o contratar e preparar lá mesmo, ainda é possível preparar na sua casa – caso tenha um espaço adequado para isso – e depois entregar. Nessa segunda alternativa ainda é possível atender a mais pedidos de uma vez só. Crie cardápios caprichados, divulgue e prepare-se para as encomendas!
  3. Decoração natalina
    O que, além da ceia, é típico do Natal? A decoração, é claro! Montar árvores, organizar presépios, colocar guirlandas e pisca-piscas é tradição. Mas isso tudo pode dar muito trabalho. Nessas horas, alguém com talento e bom gosto pode ajudar. É o seu caso? Então ofereça o serviço. Comece pela casa dos amigos e familiares, não esquecendo de fotografar tudo, afinal isso servirá como portfólio para que você possa oferecer a outras pessoas. Dica: um diferencial legal também é trabalhar com a desmontagem e organização de tudo isso em janeiro, pois colocar todos os itens de volta na caixa pode levar tempo, coisa que várias pessoas não têm e, justamente por isso, podem acabar até desistindo de investir na decoração por não ter como arrumar a “bagunça” depois. Aproveite!
  4. Venda ou alugue o que não está usando
    Está com roupas, sapatos, capinhas de celular ou itens de decoração guardados sem nenhuma utilidade? Pois saiba que eles poderiam servir perfeitamente para outra pessoa e ainda garantir uma grana extra para você. Não sabe como fazer isso? É simples, basta usar a internet para anunciar tudo aquilo que está disponível para venda. Para começar, que tal fazer um post no Facebook anunciando que fará um “desapego” e reunindo os amigos interessados? Grupos no WhatsApp também são excelentes para essas horas. Mas, se você quer ampliar ainda mais o alcance disso tudo, ainda pode usar ferramentas específicas para isso, como o site Enjoei, que cobra uma porcentagem de comissão e taxa para a divulgação, mas proporciona mais visibilidade aos produtos que você quer tirar do seu armário. Conheça mais sobre esse serviço online de vendas em nosso blog.

    Mas, caso você tenha algo parado, porém não quer se desfazer definitivamente, uma outra alternativa é alugar. E olha que pode ser qualquer coisa que esteja aí, parada, sem serventia no momento mesmo, de furadeiras até bicicletas, câmeras, pranchas ou skates. Algumas plataformas online ajudam você nessa tarefa, fazendo a ponte entre o locador, no caso você, e locatário, que é quem vai ficar temporariamente com o seu objeto. Uma delas é o Alooga. Nela, qualquer pessoa pode anunciar qualquer produto com segurança e tranquilidade, já que os cadastros dos usuários são verificados e você pode, inclusive, escolher com quem negociar. Uma pontuação garante que se tenha certeza de que está colocando o seu produto nas mãos certas e que ele será entregue intacto novamente. Para anunciar, o site cobra uma taxa de 15% sobre a locação realizada.

  5. Cuidados pessoais
    Quem não gosta de estar com o visual em dia para o Natal e Ano Novo, não é mesmo? Mas nem todo mundo tem tempo para se deslocar até um salão de beleza, que muitas vezes está com a agenda extremamente lotada nessa época. Então, se você tem experiência com cuidados com os cabelos, manicure, pedicure, barbeiro, massagista, esteticista, maquiador, faz depilação ou outras atividades relacionado ao cuidado com a aparência, essa pode ser a hora de lucrar. Ofereça seus serviços e, inclusive, abra a oportunidade de ir até a pessoa para fazer o atendimento. Esse tipo de diferencial pode ajudar muito nesse período tão corrido.
  6. Trabalhos temporários
    Com o aumento considerável no movimento das lojas por conta da corrida em busca dos presentes de Natal, muitas são obrigadas a reforçar o quadro de funcionários para dar conta do serviço. Então, se você não está trabalhando no momento, gosta de lidar com pessoas e, melhor ainda, tem experiência com vendas, essa pode ser a oportunidade ideal para ganhar dinheiro.

    Para facilitar, não deixe procurar vagas em sites e redes sociais para ver se existe alguma oportunidade assim na sua região. Certamente serão várias! Mas não pare por aí, saia para andar nas principais ruas do comércio da sua cidade e fique também atento aos shoppings e galerias. É normal que quando exista alguma vaga de emprego disponível eles deixem um aviso na vitrine. Importante: lembre-se de levar várias cópias do seu currículo, pois será necessário.

    > 8 modelos de currículo prontos para baixar

    Agora, se o seu dom não está ligado às vendas, não precisa ficar triste. Existem inúmeras outras possibilidades que se abrem com as confraternizações que acontecem no fim de ano. Você pode aproveitar essa chance para oferecer serviços de montagem de buffets, decorador, organização de eventos, garçom, DJ, recepcionista e uma infinidade de outras coisas. Pare e pense naquilo que tem a ver com seu perfil. Tudo isso pode virar oportunidade de negócio!

  7. Cuide de um pet
    A relação dos seres humanos com cães e gatos mudou bastante com o passar do tempo. Hoje, eles podem ser considerados parte da família para muita gente. Em época de férias, é normal que tutores fiquem com o coração apertado, divididos entre alguns merecidos dias de folga viajando ou em casa com os bichinhos, já que nem todos os lugares permitem que eles os acompanhem. Nessas horas, se você é apaixonado por esses peludinhos, saiba que surge uma oportunidade de ganhar dinheiro e ainda se divertir, basta buscar tutores interessados em contratar o serviço. Alguns sites, inclusive, são especializados nesse assunto, como do Dog Hero e Pet Anjo. Mas lembre-se: mais do que dar água e alimento, é preciso ter paciência para dar carinho e atenção, afinal é normal que eles fiquem tristes com a ausência dos donos.

Dinheiro no bolso vs. final de ano

Você já sabe que organizar as contas no final do ano é um desafio. São tantos gastos que qualquer um pode se perder no orçamento e facilmente entrar em dívidas. Nós já demos dicas aqui de como ganhar uma graninha extra nessa época, mas se a situação continuar apertada, não corra para situações que podem se complicar mais tarde, como pedir empréstimo a um agiota. Existem alternativas muito mais seguras e práticas que podem ajudar você, como a Simplic.

Com 4 anos de história no Brasil e mais de 2 milhões de clientes cadastrados, oferecemos empréstimo online de forma descomplicada, atendendo desde aposentados e funcionários públicos até assalariados, autônomos e negativados. Para enviar uma proposta*, basta ser maior de 18 anos, ter CPF ativo e uma conta bancária (Itaú, Bradesco, Santander ou Caixa).

Em poucos segundos você já sabe se foi pré-aprovado. Se sim, pode ser necessário enviar alguns documentos, que serão analisados em até 48 horas. Foi aprovado? Então em 24 horas o dinheiro estará na sua conta!

São valores de R$ 500 a R$ 3.500 para dar aquela forcinha quando você mais precisa e até 12 meses para pagar. Está esperando o quê? Faça já uma simulação gratuita em nosso site e descomplique com a Simplic! 😉

*Sujeita à análise da instituição financeira.

Simule seu empréstimo